remarketing e retargeting

Remarketing e Retargeting: quais as diferenças e as vantagens de cada um

Você já ouviu falar sobre remarketing e retargeting? Essas são duas estratégias populares entre as empresas que desejam alcançar seu público-alvo de forma certeira. Porém, é preciso entender as características de cada uma delas para extrair os melhores resultados.

A internet é um lugar repleto de possibilidades. Mas essas possibilidades estão espalhadas em meio a um ambiente muito amplo e complexo. E a sua empresa precisa encontrar formas de ser notada pelos potenciais clientes em meio a todo esse caos.

Se um usuário visitar um site um dia, não há garantia de que ele voltará. Para capturar leads que, de outra forma, poderiam desaparecer no éter digital, as marcas usam redes de publicidade complexas que se estendem pela internet.

Remarketing e retargeting são dois conceitos que tiram vantagem das redes de anúncios de terceiros e podem ajudar as marcas a segmentar clientes à medida que eles navegam pela web. Sem essas estratégias, os usuários podem nunca voltar ao seu site.

usuario perdido

Neste artigo vamos entender melhor as características do remarketing e do retargeting. Confira como você pode explorar essas estratégias para ampliar sua presença digital.

O que é Remarketing e Retargeting?

Para utilizar corretamente as estratégias, é fundamental compreender o que é remarketing e retargeting, certo? Por isso, vamos analisar as principais características e vantagens de cada um:

O que é remarketing?

De forma bem simples, o termo remarketing se aplica a qualquer tática usada para envolver um cliente após uma interação inicial.

O remarketing é um elemento essencial de uma estratégia de marketing integrada, porque utiliza vários pontos de contato para atrair o público. Em nível estratégico, o remarketing suporta os principais objetivos de vendas de uma marca, recuperando leads potencialmente valiosos. Sem um plano de remarketing, é mais provável que os leads de qualidade escapem ao longo do processo.

Embora o remarketing não seja uma nova tática, os esforços modernos nessa área estão se tornando cada vez mais sofisticados. Com a evolução da tecnologia, é possível coletar dados para enviar mensagens de acordo com as ações executadas por cada usuário. Essa estratégia responsiva cria uma experiência personalizada para cada potencial cliente.

Por exemplo, digamos que um usuário visite um site de comércio eletrônico e visualize um item específico, e depois saia sem tomar outras medidas. Com uma estratégia de remarketing é possível enviar um e-mail falando sobre esse produto para o usuário. Isso mantém o produto em mente e ajuda a reter o interesse do cliente.

atençao do usuario

O que é retargeting?

O retargeting refere-se à estratégia específica de usar cookies e anúncios gráficos para promover produtos e serviços a pessoas que já visitaram um site, além de usuários que exibem comportamentos semelhantes online.

Em muitos casos, as estratégias de retargeting aproveitam as soluções de publicidade paga por clique, como o Google Ads, para converter usuários na internet. É importante ressaltar que as marcas podem usar estratégias de retargeting e dados de terceiros para alcançar clientes que ainda não visitaram o site da marca.

Como o remarketing, o retargeting exige que o visitante do site execute uma determinada ação para acionar o anúncio. Pode ser clicar em um determinado produto, colocar um item no carrinho de compras ou visitar uma página específica do site (como uma página de preços) várias vezes. Quando o visitante do site executa a ação desejada, um cookie definido no navegador permite que a empresa redirecione o usuário com anúncios com base nas ações específicas que eles executaram.

Veja alguns dos gatilhos que você pode usar no retargeting:

  • O histórico de pesquisas online de um usuário

  • Usuários que compartilham o mesmo interesse com seu público atual quando se trata de conteúdo

  • Usuários que interagiram com qualquer conteúdo digital, como postagens em mídias sociais, anúncios, vídeos etc.

  • Usuários que visitaram recentemente um site semelhante ao seu

  • Assinantes que interagiram com seus e-mails

Diferenças entre retargeting e remarketing

Embora o remarketing e o retargeting tenham como objetivo alcançar e converter visitantes que passaram pelo seu site, a diferença está na estratégia usada. O retargeting usa cookies para colocar anúncios na frente de seus possíveis clientes, enquanto o remarketing coleta endereços de e-mail e envio de e-mails – que geralmente são direcionados para determinadas etapas do ciclo de compra.

Ambas estratégias podem ser automatizadas. O retargeting pode ser gerenciado de maneira eficaz por meio do Google Ads, enquanto uma solução digital pode ser usada para automatizar o envio de e-mails com base nas ações executadas pelos usuários.

Como e quando usar cada uma das estratégias?

Agora que você sabe a diferença entre remarketing e retargeting, vamos falar sobre quando é mais eficaz usar cada estratégia. Embora o objetivo do remarketing e do retargeting seja o mesmo, é preciso usar táticas diferentes para atingir esse objetivo.

Como o remarketing se concentra nas campanhas por e-mail, essa abordagem é melhor usada quando o e-mail é o melhor meio para a mensagem que você está tentando enviar. Embora os anúncios de retargeting sejam limitados quando se trata da quantidade de conteúdo que você pode entregar no anúncio, os e-mails oferecem um pouco mais de espaço. Isso torna o remarketing ideal quando você deseja não apenas enviar ao visitante um lembrete do que ele deixou para trás, mas também tentar vender mais, fazer vendas cruzadas ou adicionar uma promoção à oferta.

Por outro lado, se você deseja alcançar um novo público – que ainda não conhece os seus produtos – o retargeting pode ser a estratégia ideal. Afinal, é possível alcançar aqueles usuários que realizaram ações online semelhantes aos seus clientes atuais.

No final, quando se trata de remarketing e retargeting, não existe uma solução única para todos ou uma tática que seja melhor que a outra. As duas abordagens para entrar em contato com os visitantes do site podem ajudar a aumentar as conversões. É por isso que você pode incluir ambas em sua estratégia de marketing digital.

Você já conhecia a diferença entre remarketing e retargeting? Quer continuar aprendendo sobre as possibilidades do marketing digital? Então confira também o artigo “Site: por que a sua empresa deve ter um”.