8 Ferramentas de Marketing Digital que você precisa conhecer

agosto 27, 2018 Natália Araujo

pessoa usando o computador

Em cada etapa de desenvolvimento do projeto de Inbound Marketing, você vai precisar de ferramentas específicas. Escolher boas ferramentas de Marketing Digital é um dos segredos para obter os melhores resultados. Mas você não precisa fazer isso sozinho; nesse post, nós trazemos algumas indicações que você pode adotar na sua empresa, e que são conhecidas pela qualidade e praticidade. Confira!

1. WordPress

O primeiro item em qualquer lista de ferramentas de Inbound Marketing é o WordPress, e ele pode ser considerado o coração da etapa de atração do Inbound. Nem poderia ser diferente, já que é a principal plataforma para criação de sites e blogs (e até e-commerces) do mundo. Mais de 500 novos websites são criados diariamente e 17 novos posts são publicados por segundo em WordPress.

O motivo do sucesso é que a plataforma, além de financeiramente acessível, também é muito flexível. Você pode criar diferentes tipos de sites, com inúmeras variações no design, para garantir que reflita a identidade da sua marca e os seus objetivos de marketing digital. E tudo que você precisa para começar é um domínio, uma hospedagem e um tema.

2. SEMRush

SEMRush

Para selecionar as palavras-chave ideais para que seu conteúdo fique bem posicionado, uma das ferramentas mais populares é o SEMRush. Essa plataforma permite analisar o SEO de seus concorrentes e o da sua empresa, usando as informações para tomar decisões que vão colocá-lo em vantagem nas buscas e aumentar seu tráfego. Como você pode imaginar, o SEMRush é uma ferramenta voltada, principalmente, para a etapa de atração do Inbound Marketing.

3. Hootsuite

As mídias sociais são parte importante da estratégia de Marketing Digital e, para que elas colaborem na atração de visitantes, devem ser bem gerenciadas. Com o Hootsuite, você não precisa cuidar de cada uma delas individualmente; em vez disso, pode programar as publicações de todas as mídias sociais em uma única plataforma. É possível integrá-lo com a conta da sua empresa no Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram, entre outras.

Outro benefício do Hootsuite é que ele gera automaticamente relatórios de engajamento da sua audiência, fornecendo informação para que você aprimore suas práticas e consiga resultados cada vez melhores com as mídias sociais.

4. RD Station

Na conversão de visitantes em leads, você pode contar com o RD Station para a criação de Landing Pages, formulários e pop-ups de captura de informações de contato. Uma das características especiais dessa ferramenta é que seus formulários são inteligentes, ou seja, eles só pedem ao visitante informações que você ainda não tem sobre ele.

Não é apenas na etapa de conversão que o RD Station pode ser utilizado. Na verdade, ele é uma ferramenta completa de automação, colaborando para todas as etapas do Inbound, desde a atração até a fidelização e, claro, a mensuração de dados.

5. Canva

A criação de material rico, como e-books e infográficos, é parte da etapa de conversão e relacionamento do Inbound. Pode parecer difícil criar esse tipo de conteúdo, que possui um design diferenciado. E para isso você pode contar com o Canva, uma ferramenta que traz inúmeros designs prontos. Você só precisa inserir seu conteúdo nos modelos e customizar como quiser.

6. Contentools

Conforme sua estratégia de marketing de conteúdo se expande, você vai precisar de uma ferramenta para gerenciar a criação e publicação de conteúdos. Nossa indicação é a Contentools. Você pode criar um fluxo de trabalho, que vai da criação até a aprovação final, e agendar a publicação, vinculando a plataforma ao seu blog. Além disso, também é possível programar a divulgação do seu conteúdo nas mídias sociais, depois que ele for publicado.

7. Mailchimp

Se você leu nossos posts sobre as etapas do Inbound, sabe que, na etapa de relacionamento, o e-mail marketing é essencial para desenvolver contato um a um com seus leads. O Mailchimp é uma das ferramentas mais populares para automação de e-mail marketing, permitindo criar campanhas compostas por várias mensagens que são disparadas automaticamente.

Mailchimp

Além disso, também é possível segmentar sua lista de leads, conforme o perfil ou o comportamento. Por exemplo, leads que não abrem um certo e-mail podem ser colocados em uma lista e direcionados para outra ação, enquanto os que abrem são colocados em outra e podem receber um tratamento diferente, de acordo com os objetivos da campanha.

8. Google Analytics

Vamos encerrar nossa lista de ferramentas de Marketing Digital com o Google Analytics, que é indispensável para a etapa de mensuração de dados. Vinculando-o com o seu site ou blog, é possível obter todo tipo de dado, como o volume de visitantes, as principais fontes de tráfego, o comportamento dos usuários quando estão no seu site, as páginas com melhor desempenho, e muito mais.

Todos esses dados são organizados na forma de relatórios dinâmicos, com gráficos e tabelas. Assim, mesmo que você não tenha conhecimentos profundos de Marketing Digital, vai ser fácil entender o que eles significam.

Você já usa alguma das ferramentas de Marketing Digital que apresentamos nessa lista? Recomendaria outras que não apareceram aqui? A gente quer saber! Deixe suas próprias sugestões nos comentários logo abaixo, e ajude-nos a expandir esse artigo!